Tia do governador tenta matar o cunhado

A empresária Léa Mira, viúva do comerciante Zé Góes (Ferrragens São José), tio do governador Waldez Góes, tentou matar a tiros o cunhado Humberto Góes, agora há pouco, no bairro do Trem.

Segundo relatos dos vizinhos, Lea Mira invadiu a casa de Humberto com uma escopeta nas mãos, ameaçando matar o cunhado. Dizem que tem a ver com dívidas – uma antiga briga de família.

A polícia foi chamada e prendeu a empresária em flagrante, com a arma em punho.

Todo mundo foi levado para o Ciosp do bairro do Pacoval, onde os depoimentos estão sendo tomados.

Por ordem não se sabe de quem, a imprensa foi impedida de ser informada acerca do atentado, e o delegado responsável pela tomada dos depoimentos, Francisco Pauxis, avisou que também não vai falar nada.

 

Fiap: 15 anos

A Federação das Indústrias do Amapá (Fiap), completa amanhã, quarta-feira, 15 anos de fundação. A presidente da entidade, Telma Gurgel, alega que a Fiap não tem dinheiro para bancar uma festa de comemoração, e por isso a data só será lembrada através de ofícios, sem cerimônia e pompas.

A Fiap foi criada dia 14 de dezembro de 1990, e por lá já passaram, até agora, cinco presidentes.

Na liga nacional

A equipe do CNPJ conquistou o título da IX Copa Norte de Basquete, neste sábado (10), no ginásio de Esportes Avertino Ramos, em Macapá.

A equipe caçula do Amapá, com apenas cinco meses de formação, venceu a Assembléia Paraense - que competiu com dois ex-jogadores da seleção brasileira de Basquete - com uma diferença de 23 pontos.

O terceiro lugar ficou para a Sociedade Esportiva e Recreativa São José, de Macapá, que também contou com a participação de um ex-jogador de seleção e do Flamengo.

Com essa vitória o CNPJ ganha o direito de participar do Campeonato Brasileiro de Basquetebol, que acontecerá em 2007, no Rio de Janeiro.

Decisão

O Campeonato Intermunicipal de Futebol se encerra amanhã, 14, com a partida final entre as seleções de Ferreira Gomes e Mazagão. O embate será no estádio Glicério Marques, em Macapá, a partir das 16h. Quem vencer – por qualquer placar - leva o caneco da competição. Se der empate haverá decisão por pênaltis. Ferreira Gomes venceu o primeiro jogo – em casa – por 1 a zero, mas perdeu a segunda partida, em Mazagão, por 2 a zero, o que provocou este terceiro confronto em campo neutro.

 

Denúncia

Jogadores e dirigentes de outras seleções do interior denunciaram esta semana que o juiz do jogo entre Ferreira Gomes e Mazagão, sábado passado (10), teria sido tendencioso para o lado de Mazagão, em alguns lances decisivos, em detrimento dos selecionado ferreirense. Mais: os jogadores de Mazagão seriam todos de times profissionais de Macapá e Belém, o que é proibido pelo regulamento do campeonato.

 

Blogosfera

Blogueiros tucujus vão se reunir na próxima semana – provavelmente na segunda, 19 -, em algum lugar de Macapá – tudo indica que seja no restaurante do Trapiche Eliezer Levy – para uma confraternização de final de ano. Os comentaristas contumazes que aparecem por lá também serão bem-vindos, segundo os organizadores do evento. Interessados, favor acessar o Blog: www.alcilene.zip.net. Mas atenção: não haverá BLT (boca-livre-total).

 

Mãe do Rio

Nesta quinta-feira, 15, será gravado o último capítulo da novela amapaense “Mãe do Rio” – produção totalmente local, de responsabilidade da TV Tucuju. O autor da novela é o jornalista e escritor Joseli Dias. Mãe do Rio é uma espécie de colcha de retalhos de várias lendas amazônicas, e tem previsão de estréia no primeiro semestre de 2006. Agora, a novela entra na fase de pós-produção. Até uma cidade cenográfica foi construída em Macapá. As locações aconteceram em Manaus, Macapá e Calçoene.

 

Secura total

Os moradores do bairro do Muca estão há duas semanas sem água em suas casas. Ninguém sabe explicar a razão da escassez, mas especula-se que seja por causa da tubulação inadequada instalada na região. Os moradores acreditam que é mesmo falta de água na estação de captação. Com a palavra, a diretoria-técnica da Caesa.

 

Reviravolta

A verdade veio à tona. O caso do tal estupro supostamente praticado por guardas municipais em uma jovem, na praça Beira-Rio, e que findou na prisão de um dos guardas, que baixou à penitenciária, foi esclarecido hoje com o depoimento do rapaz que teria praticado atos libidinosos naquela noite, segundo a versão do único guarda preso.

O “namorado” da garota, um carpinteiro do Rio Vieirinha (município de Afuá), se encarregou de desvendar o mistério: tudo não passou de invensão da cabeça da moça, uma garota de programa que cobra R$ 10,00 por cada transa.

Ele jura que não houve estupro, mas acusa o guarda “Barreto” – o que não foi preso – de ter ficado com os dez “mangos” que ele ia pagar à garota. Mais: Barreto o espancou e o levou preso.

A moça, por sua vez, teria obrigado o carpinteiro a contar a estória porque temia que sua família descobrisse seu verdadeiro meio de vida. O rapaz garante ter sido ameaçado de morte pela “namorada” caso contasse a verdade sobre o assunto.

 

Emendas

O deputado Davi Alcolumbre (PFL-AP) fez chegar às mãos de seus correligionários um informativo onde relaciona as 19 emendas parlamentares que diz ter incluído no Orçamento Geral da União para 2006. Ao todo, foram sugeridos projetos que consomem R$ 5 milhões. Onze, dos 16 municípios amapaenses, podem vir a ser beneficiados com as emendas se a União liberar mesmo o dinheiro. Só ficaram de fora das sugestões de Davi: Oiapoque, Amapá, Pedra Branca, Serra do Navio e Mazagão.

Tambor de mina

O cineasta Luis Arnaldo, coordenador nacional da APS (Ação Popular Socialista), tendência interna do PT que migrou para o P-SOL, chega a Macapá nesta madrugada para o lançamento de seu filme "A Descoberta da Amazônia Pelos Turcos Encantados", que tem como temática a manifestação religiosa "tambor de mina". O lançamento acontece durante o Festival de Vídeo Curta Santana Num Minuto, que ocorre amanhã e depois, 13 e 14, respectivamente, na Biblioteca Pública de Santana.

Lenda atual

Até a semana passada apenas cinco cartas haviam chegado à agência central dos Correios, em Macapá, endereçadas ao Papai Noel. Mesmo assim, a direção da agência decidiu: os próprios funcionários vão adotar as cartas e providenciar os pedidos. Tudo em nome da crença popular. Pelo menos para esses remetentes o Papai Noel será real, sem precisar de sapatinho na janela.

Perigo na BR

Quem trafega pela BR-156, no trecho Macapá-Laranjal do Jari, precisa tomar cuidado com os locais de risco, sobretudo à noite. É que com o processo de erosão e a chegada das chuvas, algumas partes da rodovia estão com os abismos - de lado a lado da estrada - quase a se tocar. A situação deve se agravar com a chegada das férias e o aumento do fluxo de veículos.

De saco cheio

O "Bom Velhinho" não vai ter muito problema, este ano, pra encher seu saco de presentes. Pelos relatos dos lojistas, o que mais se vende, desde o começo do mês: celulares, DVDs (o aparelho), TVs de tela plana, roupas, calçados e relógios. Quem faz o gênero pão-duro, encontra importados a preços que vão de R$ 1,99 a R$ 15,00.

Risco total

Fala-se que a Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros, com a aquiescência do Crea-AP, podem interditar o principal hotel de Macapá, o quase famoso Macapá Hotel. É devido ao risco de desabamento de parte da sua fachada principal, cujo madeirame está totalmente apodrecido pela ação do tempo. As vigas de sustentação da varanda cederam, dias desses, causando o desabamento de parte da estrutura. Este é o segundo acidente grave ocorrido no hotel, nos últimos anos.

Beija-mão

No sábado, celebridades da política local foram à residência de Sarney cumprimentá-lo. Entre correligionários e simpatizantes, estavam: os conselheiros do TCE Júlio Miranda e Regildo Salomão, Geovane Borges (da TV Tucuju), o ex-prefeito de Tartarugalzinho Altamir Rezende (Mineiro), os ex-vereadores Ranolfo Gato e Elias Valente e o presidente do Conselho de Educação, Paulo Guerra.

“Jabá” perigoso

A Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática, da Câmara, aprovou na última quarta-feira (7) o Projeto de Lei 1048/03, do deputado Fernando Ferro (PT-PE), que tipifica como crime o ato de receber benefícios para executar músicas em emissoras de rádio e televisão. Pelo projeto, essa prática - conhecida como jabá - passa a ser suscetível de pena de detenção de um a dois anos, além de outras penalidades previstas no Código Brasileiro de Telecomunicações (CBT), como multa e suspensão da autorização, permissão ou concessão da emissora. O relator da matéria, deputado Narcio Rodrigues (PSDB-MG), avalia que o jabá é "prejudicial ao ouvinte, na medida em que condiciona suas preferências". Ele afirmou que o jabá é um procedimento de difícil identificação, mas ressaltou que o estabelecimento da punição será um passo inicial para coibir essa prática.

Boa notícia

A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado deve analisar amanhã (13) projeto de lei do senador Paulo Paim (PT-RS) para a instituição do Programa Nacional de Estímulo ao Emprego de Trabalhadores Experientes (PNETE). Com redação e teor semelhante ao do Programa Primeiro Emprego, o PLS 126/05 pretende criar postos de trabalho para os trabalhadores com mais de 45 anos.

Para concorrer a uma das vagas, o trabalhador deve ter, além da idade mínima exigida, experiência profissional e cadastro na unidade executora do programa. Não pode possuir renda própria e nem receber benefícios previdenciários ou assistenciais. O projeto busca integração com outras comissões de emprego, como a do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) e a do Primeiro Emprego. O voto do relator, senador João Capiberibe (PSB-AP), é favorável à proposta, sem emendas.

[ ver mensagens anteriores ]



Meu Perfil
BRASIL, AMAPA, MACAPA, PERPETUO SOCORRO, Homem, de 36 a 45 anos, French, English, Livros, Cinema e vídeo
Outro -
Visitante número: